Sobre nós

Fundo Aeroespacial

Fundo Aeroespacial

Nome do FIP: FUNDO AEROESPACIAL

Nome da Sociedade Gestora: Portcapital Gestora de Recursos LTDA.

Gestor do Fundo, responsável junto à CVM: João Antônio Lopes Filho.

Sociedade Administradora do Fundo: BTG PACTUAL

Prazo de duração do Fundo: 8 (oito) anos, prorrogável por mais 2 anos

Período de investimento: 4 (quatro) anos, prorrogável por mais 1 ano

Período de desinvestimento: 4 (quatro) anos, prorrogável por mais 1 ano

Enquadrado: FUNDO DE VENTURE CAPITAL, regido pela ICVM 391/03

Setores alvo do Fundo: Aeronáutico, aeroespacial, defesa, segurança e integração de sistemas

Portfólio Alvo do Fundo: Empresas inovadoras com faturamento bruto máximo de R$ 200 (duzentos) milhões/ano, sendo R$ 130 milhões captados

Característica: O Fundo se compromete a investir apenas em empresas que atendam os códigos e princípios de investimento responsável (PRI) – o Fundo não investirá em empresas com atividades de caráter especulativo, armamentos e munição, fumo, jogos de azar e nem atividades que atentem contra a moral e os bons costumes.

Investidores: FINEP, EMBRAER, BNDES e DESENVOLVE SP

Captação de novos investidores: A Gestora do Fundo será responsável por captar outros investidores, sujeito a anuência dos Cotistas do Fundo

Número de investimentos: O Fundo deverá investir entre 8 (oito) e 10 (dez) empresas

Tamanho dos investimentos: 3 (três) a 4 (quatro)  empresas emergentes inovadoras e de base tecnológica, com faturamento bruto de até R$ 3,6 milhões/ano

: 4 (quatro) a 6 (seis)  empresas com faturamento entre R$ 3,6 milhões ano e R$ 200  milhões/ano

Follow-on: 20 (vinte)% do Fundo será reservado para follow on nas empresas investidas que tiverem sucesso

Participação acionária: A participação do Fundo será de no máximo 49 (quarenta e nove) % do capital das empresas investidas

Concentração: 25 (vinte e cinco) % do patrimônio comprometido do Fundo será investido em uma mesma empresa

Atuação geográfica: Os investimentos serão feitos em empresas de qualquer região do Brasil, sendo no mínimo 15 (quinze) % do patrimônio do Fundo investido em empresas do Estado de São Paulo

Assembleia de Cotistas: Formado por FINEP, EMBRAER, BNDES e DESENVOLVE SP